Olá, tudo bem? Obrigado por visitar-nos. Queremos divulgar nossa tradição não só no Rio Grande, mas aonde houver um gaúcho. Se gostares do blog, divulgue para tua lista de contatos. Aproveite a visita ao blog, deixe seu RECADO, COMENTE nossos posts, olhe nossos PRODUTOS e seja um SEGUIDOR.

Faça seu pedido

Porto Alegre na visão dos estrangeiros

Olá Caro leitor, se quiseres acompanhar nossos artigos, assine o FEED ou receba os artigos por EMAIL. Siga o blog no TWITTER!
Como na entrevista anterior, agora é uma estudante coreana. Ela fala sobre animais na rua, o português dela é um pouco melhor. A entrevista está na íntegra.



Animais da rua
Leila21, é estudante de entercâmbio da Coréia do Sul, está fazendo faculdade de letras de português e economia.
Sou uma dos muitos estudantes que voltam para casa no ônibus D43, que anda pela avenida Ipiranga. O ônibus passa pela avenida Ipiranga como de ordinário. Desço em frente de Bourbon Ipiranga, vejo um espectáculo que me assusta e me manda gritar. Há um corpo morto de um gato na rua. Parece que faz bastante tempo que aquele gato foi ferido pelo carro, mas ainda não foi removido e é deixado assim na rua. E um cão abandonado está rondando em redor do gato morto, cheirando. Que espectáculo horrível e ansioso! Mas, as pessoas que passam pela rua só fazem careta e andam como se aquilo fosse normal. E eu também, penso que é uma pena, mas ando mesmo.
Quando eu cheguei no Brasil pela primeira vez, ver muitas pessoas que passeam com seus cachorros foi uma coisa surpreendente. Muitos coreanos também têm seus animais de estimação mas não é tão comum como aqui Porto Alegre, pois passear com seu cachorro é um cotidiano de quase todos porto-alegrenses. Eles caminham devagar, cumprimentando os vizinhos, esperam generosamente enquanto seus cachorros fazem cocô. Também não se esquecem de levar um saco na sua mão. Em shoppings, o setor de artigos de animais de estimação ocupa parte grande. Como a gente vê, os porto-alegrenses têm muitos afetos por seus animais de estimação.
Tem os cachorros que voltam para sua casa comfortável depois de passeio com seu dono que dá carinho para ele, enquanto tem os cachorros buscam alguma coisa na lixeira e dormem ao relento na rua. Na Coréia, os cães abandonados que buscam comidas na lixeira não são comuns. Se eles existissem, as pessoas pensariam que isso é muito estranho. Mas aqui ninguém se importa com se fosse normal. Veja redenção, lá tem muitos cães e gatos abandonados. Alimentos e brinquedos de qualidade superior em Shoppings não são para eles. Eles comem e dormem na rua. Infelizmente estes animais estão aumentando em Porto Alegre.
Porto Alegre tem muitos afetos por animais do que outra cidade, mas também tem muito mais animais abandonados do que outra cicade. Que contraditório, não é?
Fonte: http://ppeonline.blogspot.com
Assine o FEED ou receba os artigos por EMAIL. Siga o blog no TWITTER!

0 comentários:

Postar um comentário

Promoção LIVROS na PITHAN PILCHAS

Promoção LIVROS na PITHAN PILCHAS
COMPRE SEU LIVRO NA PITHAN PILCHAS: CLIQUE NA IMAGEM PARA SABER MAIS
Related Posts with Thumbnails